Como lidar com o estresse no trabalho

Todo mundo que já teve um emprego, em algum momento, sentiu a pressão do estresse relacionado ao trabalho. Qualquer trabalho pode ter elementos estressantes, mesmo se você adorar o que faz. No curto prazo, você pode sofrer pressão para cumprir um prazo ou cumprir uma obrigação desafiadora. Mas quando o estresse no trabalho se torna crônico, pode ser opressor e prejudicial à saúde física e emocional.

Fontes comuns de estresse no trabalho

Certos fatores tendem a andar de mãos dadas com o estresse relacionado ao trabalho. Alguns estressores comuns no local de trabalho são:

  • Salários baixos
  • Cargas de trabalho excessivas
  • Poucas oportunidades de crescimento ou avanço
  • Trabalho que não é envolvente ou desafiador
  • Falta de suporte social
  • Não ter controle suficiente sobre as decisões relacionadas ao trabalho
  • Demandas conflitantes ou expectativas de desempenho pouco claras

Efeitos do estresse descontrolado

O estresse relacionado ao trabalho não desaparece simplesmente quando você vai para casa passar o dia. Quando o estresse persiste, pode afetar sua saúde e bem-estar.

Um ambiente de trabalho estressante pode contribuir para problemas como dor de cabeça, dor de estômago, distúrbios do sono, temperamento explosivo e dificuldade de concentração. O estresse crônico pode resultar em ansiedade, insônia, pressão alta e enfraquecimento do sistema imunológico. Também pode contribuir para problemas de saúde, como depressão, obesidade e doenças cardíacas. Para agravar o problema, as pessoas que passam por estresse excessivo geralmente lidam com ele de maneiras prejudiciais à saúde, como comer demais, comer alimentos não saudáveis, fumar ou abusar do álcool.

Tomar medidas para controlar o estresse

Estabeleça limites. No mundo digital de hoje, é fácil sentir a pressão para estar disponível 24 horas por dia. Estabeleça alguns limites de vida profissional para você. Isso pode significar criar uma regra para não verificar o e-mail de casa à noite ou não atender o telefone durante o jantar. Embora as pessoas tenham preferências diferentes no que diz respeito ao quanto combinam seu trabalho com a vida doméstica, a criação de alguns limites claros entre essas esferas pode reduzir o potencial de conflito entre a vida profissional e a profissional e o estresse que o acompanha. Muitas pessoas levam o estresse do trabalho para a casa deixando a união do casal desestabilize tendo que tomar remédios para conseguir se relacionar, como tadalafil dozagem, é importante que seus problemas profissionais não inapto na sua vida pessoal nem amorosa, assim você terá tranquilidade ao chegar em casa.

Tire um tempo para recarregar, Este processo de recuperação requer “desligar” do trabalho por ter períodos de tempo em que você não está envolvido em atividades relacionadas ao trabalho, nem pensando no trabalho. É por isso que é fundamental que você se desconecte de vez em quando, de uma forma que se adapte às suas necessidades e preferências. Não desperdice os seus dias de férias. Quando possível, tire um tempo para relaxar e descontrair, para voltar ao trabalho sentindo-se revigorado e pronto para dar o seu melhor. Quando você não puder tirar uma folga, dê um impulso rápido desligando o smartphone e concentrando sua atenção nas atividades não laborais por um tempo.

Aprenda a relaxar. Técnicas como meditação, exercícios de respiração profunda e atenção plena (um estado em que você observa ativamente as experiências e os pensamentos presentes sem julgá-los) podem ajudar a dissipar o estresse. Comece reservando alguns minutos por dia para se concentrar em uma atividade simples, como respirar, caminhar ou saborear uma refeição. A habilidade de ser capaz de se concentrar intencionalmente em uma única atividade sem distração ficará mais forte com a prática e você descobrirá que pode aplicá-la a muitos aspectos diferentes de sua vida.

Obtenha algum apoio. Aceitar a ajuda de amigos e familiares de confiança pode melhorar sua capacidade de controlar o estresse. Seu empregador também pode ter recursos de gerenciamento de estresse disponíveis por meio de um programa de assistência ao funcionário, incluindo informações online, aconselhamento disponível e encaminhamento para profissionais de saúde mental, se necessário. Se você continuar a se sentir oprimido pelo estresse do trabalho, converse com um psicólogo, que pode ajudá-lo a controlar melhor o estresse e a mudar o comportamento doentio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *